Gravidez

QA179 PERGUNTA: Eu gostaria de fazer uma pergunta sobre a relação do estado espiritual de uma mãe com seu filho quando ela está grávida. E também, o que é mais importante - aquele estado espiritual geral ou o momento do nascimento, onde você disse que o espírito entra no corpo após a primeira inalação? Esse é o momento crucial?

RESPOSTA: Bem, pode ser. Deixe-me explicar. Na maioria dos incidentes, a alma que passa a encarnar com uma mãe específica é determinada muito antes de ocorrer a gravidez. Então, durante a gravidez, os preparativos são, por assim dizer, feitos e então o parto é o produto final dos preparativos. Isso é verdade na maioria dos casos.

Sob certas circunstâncias - se houver uma mudança substancial de consciência na mãe ou no pai ou em ambos, ou se as circunstâncias mudarem de alguma forma - no último minuto, disposições diferentes podem ser feitas. O único critério é o estado de consciência, o desenvolvimento da mãe e também do pai até certo ponto. Mas mais ainda a mãe. Na medida em que o crescimento ocorre, um ser proporcional será puxado para os processos de nascimento.

PERGUNTA: O bebê que vai nascer tem uma escolha consciente real sobre o assunto?

RESPOSTA: Como na Terra, a consciência tem algo a dizer, mas quanto mais desconectada está dos processos internos, mais os eventos que ocorrem parecem coincidentes ou perigosos. Os processos são os seguintes. Antes que uma alma entre em encarnação, ou esteja pronta para encarnar, ela tem um certo plano. Existe uma certa compreensão do que deve ser realizado na vida.

Os preparativos são muito exigentes [Aula # 34: Preparação para a Encarnação] E apenas na medida em que existe desenvolvimento, o plano total pode ser feito pela entidade individual. Mas sempre há Auxiliares, guias e Espíritos mais desenvolvidos, cuja tarefa é ajudar e fazer disposições. E então há, em conexão com isso, ou como resultado da consciência, certas leis que acontecem - leis de atração e repulsão.

Uma certa entidade específica pode ser puxada para certas circunstâncias apenas, assim como as leis magnéticas existem. Não poderia ser puxado para outras circunstâncias. Mas, na medida em que existe consciência dessas leis e de si mesmo, escolhas deliberadas podem ser feitas. Na medida em que falta tal consciência, as escolhas parecerão arriscadas ou coincidentes.

PERGUNTA: Mas eles são feitos por outros espíritos?

RESPOSTA: Não, eu diria, outros espíritos em conjunção com a própria entidade. É quase impossível transmitir isso para a humanidade, porque os conceitos estão faltando. É algo extremamente importante quando uma entidade está nascendo. E um grande investimento de energia espiritual é feito a fim de efetuar o tipo certo de circunstâncias.

Próximo tópico

Compartilhe