Abrindo os Centros

QA172 PERGUNTA: O senhor poderia comentar o processo de abertura dos centros?

RESPOSTA: Os processos devem consistir principalmente no Pathwork em que todos vocês estão engajados - meus amigos aqui que estão realmente engajados neste Pathwork - em auto-confrontação. Isso é 90% da tarefa importante. Caso contrário, os outros exercícios e práticas de que falo - ou sobre os quais falarei - seriam muito indesejáveis, até mesmo perigosos, se não fossem sustentados e fortalecidos por este processo principal do Pathwork: o autoconfronto, o enfrentamento de si mesmo.

Pois se você não sabe e não pode enfrentar o medo indesejável, a culpa e a vergonha que o sobrecarregam secretamente, e as reais violações de integridade que realmente sobrecarregam todo o seu sistema - se você não consegue desenvolver a força para superar seus problemas - então, qualquer tipo de prática é, na melhor das hipóteses, sem sentido e ineficaz e, na pior, perigoso.

As práticas incluem meditação, relaxamento, concentração, contemplação de uma forma significativa, a harmonização, a respiração com a meditação e a concentração - tudo isso em conjunto com a sua autodescoberta de onde você está com seus problemas agora: Qual é o problema que bloqueia seu caminho agora? Esse é o caminho.

E as práticas sobre as quais falarei não devem ser mais do que meios adicionais que são como pequenas ferramentas de ajuda. Mas nada é melhor destinado a abrir os centros do que enfrentar e resolver seus problemas internos, sejam eles quais forem.

Muitas são as pessoas - e as filosofias e as religiões e as seitas e os grupos - que se concentram nas práticas e sentem que estão fazendo tudo o que podem pelo desenvolvimento espiritual enquanto negligenciam olhar para seus problemas, para olhar suas vulnerabilidades , para olhar para seus medos, para olhar suas inadequações, para olhar o que realmente os perturba e qual é a verdadeira causa dos bloqueios.

Agora, vou falar dessas práticas em si, mas nunca subestime a relação de importância. Portanto, vou repetir isso para que vocês, todos vocês, estejam protegidos do perigo de se concentrar demais em um para negligenciar o outro.

Próximo tópico

Compartilhe